Grupos de WhatsApp – Guarda Municipal faz parceria com comerciantes do Centro para combater a insegurança

A Tribikes, comércio de bicicletas na Rua Francisco Tolentino, recebeu a visita de dois agentes da Guarda Municipal, esta semana.
Objetivo era reavaliar a eficácia do Projeto Guardião, que mantém um canal de comunicação direto entre o órgão municipal e os lojistas.
Para isso, foram criados diferentes grupos de WhatsApp, divididos por regiões da área central da cidade.

“Diante de uma ocorrência, ou ao perceber alguma atitude suspeita, os comerciantes colocam no grupo e, imediatamente, a Guarda Municipal vai até o local”, explica Ricardo Souza, sub-comandante do órgão.
Ao mesmo tempo, os demais lojistas do grupo já ficam atentos e podem cooperar com novas informações do entorno da ocorrência.
“Cria-se um cinturão de segurança na área”, diz Souza, criador do projeto, em 2014.

“E por que os comerciantes? Porque eles estão na linha de frente e ficam expostos, já que permanecem com as portas abertas, permitindo a entrada de qualquer pessoa”, afirma, acrescentando que muitas vezes, são apenas mulheres as que ficam nas lojas, tornando-se ainda mais vulneráveis a ação dos criminosos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *