Coral mais antigo de Florianópolis, em atividade, completa 70 anos e lança vídeo comemorativo

Em dezembro de 1950 fiéis da Catedral Metropolitana fundaram o Coral Santa Cecília com o objetivo de solenizar as celebrações religiosas que ocorriam no templo.

Graças ao sucesso da iniciativa, até a década de 1960, era considerado o coral oficial da Capital.
E para comemorar as sete décadas de atuação, nesta quinta-feira, 17, às 19h30min, será lançada um vídeo que conta a história do grupo vocal, no canal do coral no Youtube.

Coralista há 63 anos
A produção traz depoimentos de ex e atuais integrantes, desde a formação do coral, como informa o colunista Marcos Cardoso, no ND+ de hoje.
A coralista mais antiga em atividade é Maria do Carmo Bonatelli, a Carminha, que completa 63 anos de dedicação ao Santa Cecília em 2020, escreveu Cardoso.

Maria do Carmo Bonatelli, coralista desde 1957, recebe reconhecimento da Assembleia Legislativa (Divulgação Alesc)

Além dela, gravaram testemunhos alguns dos vários casais que se conheceram no coro, organistas e ex-dirigentes, como Dauth Emmedörfer, que presidiu o grupo por muitos anos e até hoje é chamado de “eterno presidente”.

O coro tem atualmente 30 componentes e é presidido e regido pelo professor Pedro Cabral Filho que, em 2017, sucedeu o padre Ney Brasil Pereira, após a morte do religioso.

Padre Ney Brasil marcou história
A partir de 1953, o grupo contou com a regência do Padre Agostinho Staehelin, que conduziu o coral ao longo de duas décadas.

Padre Ney Brasil, além de reger o coral, também se destacou no trabalho junto à Pastoral Carcerária (Acervo Alesc)

Em 1973, assumiu a regência o Padre Ney Brasil que priorizou a solenização das celebrações litúrgicas na própria Catedral.

Nos concertos “de aniversário” do coral, têm sido apresentadas, com orquestra, várias peças importantes do repertório coral, como Missas de Mozart, de Haydn e Te Deum de Mozart, além da “Ode a Santa Cecília”, de Haendel, coros de óperas de Verdi e de Carlos Gomes.

Fita cassete em 1998
Depois de ter gravado várias fitas cassetes, o coral gravou em 1998, o seu primeiro CD, “Natal na Catedral”, e lançou o segundo, com título “Senhor dos Passos na Catedral”, em maio de 2000.

Apresentação do Santa Cecília na Catedral Metropolitana (Divulgação)

Completando a trilogia, lançou em 2002, o CD “Páscoa na Catedral”. Em 2004 lançou o CD de “Cantos folclóricos e populares”. Em 2005 gravou o CD A Eucaristia na Catedral.

Seu último CD foi lançado em 2007 com o título: Centenário da Catedral, do qual consta o “Hino do Centenário”, de autoria do Padre Ney Brasil.

Coral de Florianópolis
Outro coral importante da cidade é a Associação Coral de Florianópolis, fundado em 1960.
Abaixo, o concerto virtual do grupo vocal realizado em setembro, para comemorar seus 60 anos.

(A foto de abertura é do acervo do site www.neybrasil.com.br)

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *