Exposição gratuita – Pinturas retratam o cotidiano do primeiro país a abolir escravidão na América

Há três anos residindo em Florianópolis, imigrantes haitianos organizaram uma exposição com 20 pinturas que permite conhecer um pouco mais deste pequeno e corajoso país da América Central.
A mostra “O Povo Haitiano e a Cultura Caribenha” apresenta telas onde são retratadas as pessoas em seus afazeres diários, a dimensão religiosa e a conexão com a natureza, além da musicalidade e o orgulho de ser o primeiro país americano a abolir a escravidão, em 1804.

Sob a curadoria de Janaína Santos, a exposição dos artistas plásticos Elie Alceo e Jean-Wesly Demosthene foi montada no espaço cultural da Assembleia Legislativa do Estado.

Naturais de Porto Príncipe, a capital e a maior cidade do Haiti, eles seguiram os passos de seus pais que também são artistas plásticos.
“Buscamos por meio destas pinturas (tinta óleo sobre tecido) proporcionar à sociedade catarinense a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre o Haiti”, afirma Elie.

A visitação é gratuita e fica aberta até o dia 17 de dezembro, no primeiro andar do Palácio Barriga Verde, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

(Com informações e fotos da Alesc)

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *