Maioria é homem – Florianópolis contabiliza 200 mortes por Covid em um mês

A Capital chegou a 644 vítimas fatais provocadas pelo Coronavírus.
Destas, 200 aconteceram nos últimos 31 dias: entre 19 de fevereiro (quando havia 444 mortes) e 22 de março (último registro do Covidômetro).

Neste período, foram quase sete óbitos por dia, em média.
Os dados são do Covidômetro, plataforma online da Prefeitura de Florianópolis.

Do total de falecimentos desde o início da pandemia, 55% são do gênero masculino (354) e 45%, mulheres (290).
Confira os dados:

1,7 mil casos ativos em acompanhamento, mas a estimativa do Covidômetro é de 11 mil pessoas que podem estar repassando o vírus no município.
Confira os dados:

159 pacientes internados por Covid, sendo 112 em UTIs.
Confira os dados:

Desde o início da pandemia, 73 mil pessoas foram infectadas pela Covid em Florianópolis, sendo que 70,5 mil já se recuperaram.

Dados do Centro
No Centro, nos últimos 31 dias, houve 24 mortes, de um total de 86 registradas desde o início da pandemia.
Os dados correspondem a toda a região central da cidade, incluindo Monte Serrat e Prainha. Estes locais fazem parte do Centro, mas no Covidômetro aparecem separados.

No Covidômetro, é possível acompanhar a evolução da doença em todos os bairros da cidade.

Vacinados
O município já vacinou 41.659 pessoas, principalmente, idosos e trabalhadores da saúde.

A partir desta quinta-feira, 25, receberão a primeira dose idosos de 71 e 72 anos.
Na sexta-feira, 26, haverá primeira dose para idosos de 70 anos, e segunda dose para idosos de 82, 83 e 84 anos.
Já no sábado, 27, primeira dose para idosos de 69 anos e segunda dose de idosos de 80 e 81 anos.

Os próximos 10 grupos a serem vacinados
1 – Idosos de 69 a 71 anos.
2 – Idosos de 60 a 68 anos.
3 – Povos indígenas e quilombolas.
4 – Pessoas menores de 60 anos com comorbidades.
5 – Trabalhadores da educação (professores e funcionários).
6 – Profissionais das Forças de Segurança e Salvamento.
7 – Funcionários do Sistema de Privação de Liberdade e presos.
8 – População em situação de rua.
9 – Membros das Forças Armadas.
10 – Caminhoneiros, motoristas de ônibus e aeroviários.

Os pontos de vacinação (das 9h às 16h)
– Drive-thru no Centro de Eventos da UFSC.
– Ponto de vacinação para pedestres no Centro de Eventos da UFSC.
– Drive-thru na Polícia Rodoviária da SC-401.
– Drive-thru no antigo aeroporto de Florianópolis.
– Drive-thru no Bolsão da Beira-mar Continental, próximo às quadras.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *