Para a temporada de Verão – Museu Histórico recebe quatro exposições ao mesmo tempo

Além das peças que compõem o seu acervo, o Museu Histórico de Santa Catarina está com quatro exposições que podem ser apreciadas numa única visita.
Confira:

Os primórdios da Ponte Hercílio Luz
A exposição “Ponte Hercílio Luz” ocorre no momento em que a ponte é reaberta, após o período de restauro.

A proposta é convidar a população a conhecer a história e a memória desta obra, um patrimônio histórico e artístico com reconhecimento municipal, estadual e nacional.
A mostra tem fotografias, equipamentos e fragmentos originais removidos durante o restauro.
A estrutura da Ponte Hercílio Luz teve sua construção iniciada em 1922, com inauguração em 13 de maio de 1926.
Essa ligação entre ilha e continente viabilizou transformações econômicas e sociais na cidade, além de modificar a paisagem urbana.

Matérias relacionadas: https://floripacentro.com.br/conheca-o-cemiterio-onde-descansam-os-restos-da-ponte-hercilio-luz-na-capital/

As elegantes cadeiras antigas do Palácio
Já a exposição “Cadeiras do Palácio” aborda formas e estilos de cadeiras que foram produzidas para uso no Palácio de Governo de Santa Catarina, datadas do fim do século 18 até o início do século 20.

Curiosidades de Konder Reis
Ainda no dia 18 de dezembro foi aberta a exposição “Do Gabinete ao Gabinete”, com fotografias, objetos e documentos que contam a história do governador Antônio Carlos Konder Reis.

São abordados aspectos da vida pessoal e profissional e suas relações com as cidades de Florianópolis, Itajaí e Penha.
Konder Reis nasceu em Itajaí em 1924, ultrapassando meio século de vida pública. Foi governador entre 1975 e 1979 e, por alguns meses, em 1994.

O visionário Jorge Lacerda

Ainda contando a história de um governador, permanece em cartaz a exposição “Jorge Lacerda, uma visão para o futuro”, aberta no dia 11 de dezembro.
Nela, turistas e moradores de Florianópolis têm a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a memória catarinense, por meio de painéis, objetos, livros e conteúdo audiovisual que transitam pelos principais momentos da vida do ex-governador.

Lacerda (D) ao lado de Juscelino Kubistchek (Imagem: arquivo pessoal família Lacerda)

Serviço do Museu:
Horário: de segunda a sexta-feira das 10h às 18h. Sábados e domingos das 10h às 16h.
Ingressos: R$ 5 e meia-entrada, R$ 2. Aos domingos, a entrada é gratuita para todos.
Endereço: Palácio Cruz e Sousa, na Praça XV.
Cronograma final de ano: fechado nos dias 23, 25 e 30 dezembro e 1º de janeiro.
Nos dias 24 e 31, abre das 9h às 13h.
Nos dias 26 e 27, atendimento normal, das 10h às 18h.
Nos dias 28 e 29 abre das 10h às 16h.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *