Sinais de estabilização da Covid – Últimos dados mostram queda nos índices (confira como está seu bairro ou rua)

A última morte por coronavírus no Centro de Florianópolis foi no dia 28 de agosto: um homem de 79 anos que se transformou na 16º vítima da pandemia no bairro.

Na última semana, o número de pacientes confirmados com Covid no bairro teve um aumento de 2%, de 985 para 1.010, o que representa uma tendência à estabilização, se comparado à primeira semana de agosto (crescimento de 10%) e à primeira semana de julho (aumento de 30%).
O número de pacientes do Centro internados caiu 50% em sete dias: passou de 12 para seis.

Em Florianópolis:
Os números também apontam estabilização em toda a cidade.
A Capital tem 120 mortes por Covid, três a mais do que no dia 28 de agosto.
Uma queda significativa se comparada à primeira semana do mês passado quando houve 12 óbitos.

Os casos confirmados chegam 10.977, aumento de 1,7% se comparado há uma semana quando havia 10.786.
Na primeira semana de agosto, no entanto, o crescimento foi de 14%.
Já os internados são 28 e uma semana atrás eram 79.

Dados do seu bairro ou rua:
As informações constam no Covidômetro*, instrumento on line atualizado diariamente pela Prefeitura da Capital*.
Confira AQUI a situação do seu bairro  (ao entrar no site tem que clicar em “SALA DE SITUAÇÃO”).

Quer saber a localização exata dos casos de Covid na sua cidade, bairro ou rua?
Clique AQUI e acesse o mapa on line (o sistema é similar ao Google Maps: ao escolher a cidade, pode-se aproximar até chegar no bairro ou rua desejada).

* No Covidômetro, o bairro Monte Serrat (atrás do Instituto Federal, na Avenida Mauro Ramos) aparece separado, porém, oficialmente, faz parte do Centro.
Por isso, o Floripa Centro soma os dados, para dar o panorama real da região central de Florianópolis.

**A equipe do Floripa Centro compartilha da dor e se solidariza com todas as pessoas que sofrem com a perda de parentes, amigos e familiares por conta da pandemia (texto original  do Portal Folha da Cidade, que o Floripa Centro também reproduz).

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *