Aos 84 anos, morre uma das mais importantes lideranças comunitárias do Centro

Com 84 anos recém completados, em 30 de julho, faleceu João Ferreira de Souza, conhecido como Seu Teco.
Morou toda a sua vida no Morro do Monte Serrat, na região central de Florianópolis, e morreu nesta segunda-feira, 3, em consequência do agravamento numa doença nos rins.
O sepultamento ocorrerá hoje, 3, às 16 horas, no Cemitério Municipal São Francisco de Assis (Itacorubi).

Reproduzimos algumas mensagens no Facebook que ajudam a entender o que representou Seu Teco para a comunidade do Maciço do Morro da Cruz:
“Seu Teco é uma das figuras mais importantes de Florianópolis, talvez o maior líder comunitário da história do Morro da Caixa!
Ele viveu Florianópolis, as suas histórias de tempo idos eram uma mistura de humor com uma aula de história.
Seu Teco era um príncipe na elegância, um leão na defesa das pessoas em vulnerabilidade social, principalmente a comunidade do Monte Serrat.
Era o malandro do morro na melhor concepção da palavra.
As histórias da escola de samba se confundem com o Seu Teco.”
(Denilson Machado)

Divulgação: Centro Cultural Escrava Anastácia

“Presidente do conselho comunitário, era imprescindível nas reivindicações de melhorias e aplicação de políticas públicas na região do Maciço do Morro Cruz.
Seu Teco foi um dos principais articuladores do “PAC do Maciço”, programa onde as comunidades tinham suas demandas atendidas e decidiam em conjunto com o poder público.
Ético, coerente e dono de uma personalidade forte, defendia com garra e afinco seus ideais durante sua extensa e brilhante trajetória.
Companheiro, pai e avô coruja, era integrante da Velha Guarda da Embaixada Copa Lord e o samba era uma de suas grandes paixões.”
(Babyton Santos)

Arquivo: Sintrasem

“Grande homem, amigo e líder comunitário da nossa comunidade do Monte Serrat”
(Padre Vilson Groh)

Arquivo pessoal: Padre Vilson Groh

“Seu Teco fez tanto coisa boa pela sua comunidade, pelas crianças, pelas famílias, pela sua escola do coração, pela igreja, pela sua cidade, pelas futuras gerações.
Lutou sempre por uma vida melhor pro Monte Serrat.
O senhor é tesouro. Desses raros, valiosos, únicos. Tanto conhecimento vai embora com o seu descanso. O bom é que o senhor deixou muitas sementes.”
(Gabriela Rovai)

Arquivo pessoal: Gabriela Rovai

“Seo Teco era nascido em 30/07/1936 na rua General Vieira da Rosa, no Morro do Monte Serrat, antigo Morro do Antão, no Centro de Florianópolis.
Era filho de Angélico Ferreira de Souza e Maria de Almeida Souza e envolvido desde criança com os trabalhos comunitários.
Ajudou nos mutirões de pavimentação da rua General Vieira da Rosa, na construção da igreja Nossa Senhora do Monte Serrat e na da escadaria, levantando muros de contenção e abrindo valas de drenagem.
Era da Associação de Moradores e da Escola de Samba Embaixada Copa Lord desde 1952, quando ainda não era uma entidade formal.
Em 1955, já criada oficialmente, ajudou na construção da sede.
Importante líder comunitário, sua história pessoal está vinculada com a dedicação voluntária por melhoria da qualidade de vida de sua comunidade e da cultural carnavalesca de Florianópolis.”
(Lino Peres)

Reportagem da NSC Total, em 2018:
Conheça Seu Teco, o homem que abriu caminhos no Monte Serrat, em Florianópolis

(A imagem de capa é do arquivo pessoal de Denilson Machado)

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *